julho 17, 2007

"Marcas da vida"

(Red Road, 2006 - Andrea Arnold)
Jackie é uma funcionária da vigilância urbana de Glasgow. Ao ficar observando os movimentos suspeitos (e não) da população através de um sistema de câmeras espalhadas por toda a cidade, ela parece querer esconder os seus traumas. Na festa de casamento de sua cunhada, é sutilmente revelado o motivo da tristeza e da solidão daquela mulher. Fora do trabalho, não tem vida (a não ser pelos encontros fortuitos e vazios com um homem casado). No entanto, ela reencontra um homem que tem muito a ver com o seu passado e angústia. Obcecada, passa a vigiá-lo eletrônica e pessoalmente, freqüentando os ambientes do moço. Ela tem um plano para acertar as contas e vai levá-lo às últimas consequências até fazer justiça com as próprias mãos. Trabalho de estréia em longas da diretora inglesa, "Marcas da vida" consegue criar um suspense que nos envolve e nos faz acompanhar a amargura de Jackie minuto após minuto, tentando adivinhar o que ela será capaz de fazer. E o roteiro inteligente e sagaz vai nos surpreendendo até mesmo quando achamos que está tudo terminado. É um filme silencioso, de poucas falas, mas absurdamente eloquente, que foi festejado em Cannes e no BAFTA e que tem passado quase batido por aqui.

8 comentários:

Michel Simões disse...

Achei mto bom, e tem uma cena de sexo das mais ardentes rsrs

Marfil disse...

Esse é o primeiro longa de Andrea Arnold, uma excelente curta-metragista britânica. Eu acompanho com muita atenção a carreira dessa promissora profissional, mas ainda não tive oportunidade de assistir "Marcas". Quase vi na Mostra SP, mas não deu...

Pedro disse...

Não consegui assistí-lo, vou ter de esperar o dvd. Pela foto, as imagens devem ser um verdadeiro agrado aos olhos.

Demas disse...

Michel,
o filme todo foi uma grata surpresa para mim. Nao havia lido nada. Adorei a maneira como o espectador vai sendo apresentado ao universo de Jackie.
Abraco

Marfil,
eu nao conhecia o trabalho dessa diretora. Mas depois dessa grande estreia, quero acompanhar o que quer que ela venha a fazer.
Abraco

Pedro,
bem-vindo ao Cine Dema(i)s e obrigado pela visita. Veja "Marcas..." entao assim que ele saia em dvd. O filme e' muito bom.
Abraco
PS: Esse contraste de cor que aparece na foto nao e' regra no filme nao.

Eduardo Miranda disse...

Ei, quando volta esse blog????

Demas disse...

Edu,
volto em breve, em breve...
Desculpe pelo abandono da casa,
mas não tenho conseguido conciliar
meu (pouco) tempo.

Abração

Fellipe Fernandes disse...

Demas,
cá estou zapeando pelo seu blog. Aceitei seu convite e vim conhecer.
Abraço,
Fellipe

Demas disse...

Fellipe,
seja bem-vindo.
Volte quando quiser.
Abração